segunda-feira, 11 de maio de 2009

O Porquê do filme do Wolverine ser ruim!

Sinceramente eu nem sei por onde começar essa resenha, mas já vou avisando, vou apresentar muito mais pontos negativos do que pontos positivos encontrados no filme X-Men Origins: Wolverine. Então se você curtiu demais o filme, peço que respeite minha opinião e, se desejar, comece uma discussão saudável nos comentários, em vez de postar algo como: “Vam si fude seus nerds du carahlo!!!”.

Pra ficar mais fácil tanto para eu passar minhas idéias quanto para vocês entenderem, vou separar em duas colunas totalmente desiguais: Pontos positivos e pontos negativos, e dentro deles separarei em tópicos, assim também fica mais fácil de concordar ou descordar com algum tópico. Passadas as regras, vamos lá.

Pontos Negativos

Personagens pára-quedistas: A presença de alguns personagens desde o começo da produção do filme tinha me deixado inquieto, acredito que Gambit e Emma Frost apenas foram colocados porque vários fãs tinham sentido sua falta em filmes anteriores, sendo que nunca tiveram presença significativa na vida do Logan. Conclusão: Estão lá só para atrair público.

Fatos Distorcidos: Victor e Logan meio-irmãos? Emma Frost e Kayla Silverfox irmãs? Creio que esses fatos só foram apresentados para ter uma história que mesmo um cara que só conheça o Wolverine pelos filmes entendesse a trama, fazendo dessa a falha mais aceitável.

Habilidades Nonsense: Até mutantes tem limites! Alguns efeitos do filme acredito terem sido exagerados, dando um efeito ‘Tigre e o Dragão’ que nunca gostei em filmes. Alguns exemplos do que estou dizendo: Quando Gambit pula do telhado e gira o bastão como uma hélice para aparar a queda e na mesma cena quando finca o bastão no muro de tijolos para escalá-lo, até parece que ele usou seu poder de gerar energia instável para poder ter superforça! Numa das primeiras cenas, em que o Agente Zero salta o portão do complexo, até parece que precisava de tudo aquilo! Era só dar uma escaladinha pela lateral, mas os responsáveis pela coreografia acharam mais divertido se ele pulasse 10 metros a mais do que a altura do portão. E por fim, Deadpool de defendendo de 15 atiradores apenas girando as espadas e no final contando um tiro no meio e matando dois caras atrás dele....ah! Tenha dó!

Personalidades Alteradas: Sempre acreditei que um filme adaptado não precisa contar uma história especifica que já ocorreu em outra mídia, acho que não seria legal simplesmente transformar uma saga dos quadrinhos do Wolverine em filme. Gosto de novas histórias, mas o que não perdôo é a alteração da personalidade dos personagens. Gambit é um mutante egoísta, apenas se preocupa com si mesmo, na maioria das vezes com seus amigos, raramente com alguma cocota que lhe dá mole e nunca voltaria para a ilha que lhe aprisionou só para salvar a pele de um qualquer que conheceu num bar na noite anterior. Outro mutante foi Deadpool, com sua personalidade sarrista, que só pôde ser demonstrada levemente no inicio do filme, e apesar de boa, foi curta.


Falta de Sangue: Para um filme que conta a origem d’um mutante famoso por sua barbaridade, ele é bem carente de sangue. Não estou dizendo cenas de luta ou ação, e sim sangue mesmo!!! A porrada rolava solta, soco na cara, garra na porta e nem uma gotícula do líquido vermelho era derramado. Numa das cenas final, Wolverine enfia a garra por completo no peito de Victor e a retira totalmente limpa. No cinema o Kaji até comentou: “Porra, olha lá! A garra tá limpinha, parece que a garra tem Teflon!!!”


Fim de sua Memória: Por fim, o fato na qual a falta de memória do Wolverine é atribuída. Todos sabiam que Logan perdia sua memória no final, a questão era o porquê. Creio que os 2 tiros na cabeça com balas de adamantium não foram um boa resposta, porque em nenhuma história, em nenhuma versão, durante nenhum exame médico, nenhuma ressonância magnética, foi detectado dois buracos no crânio dele e nem duas balas alojadas no cérebro dele. Foi a solução criada, mas acho que podia ser mais verossímil com as histórias já conhecidas dele.


Pontos Positivos

Efeitos Especiais: Sim! Foram ótimos, cenas boas de ação, lutas bem coreografadas, tudo necessário para alegrar mesmo quem nunca ouvia falar do carcaju. Apesar de alguns detalhes visuais que para mim não ficaram muito bem desenhados: como a cena que Wolverine dá uma boa olhada nas sua garras no banheiro do casal de velhos que o acolhe. As garras parecem terem sido inseridas digitalmente, algo não muito legal, quando claramente maquiagem ficaria bem melhor! Ou a cena que a cabeça do (Dead)Deadpool cai girando e destruindo a chaminé do reator nuclear, aquele efeito do raio era digno do artista que cria comunidades ‘with lasers’.


Interpretação: Hugh Jackman está de parabéns, assim como Liev Schreiber que conseguiram ambos interpretar muito bem a transição sentimental de seus personagens, Victor de uma criança frustrada para uma fera agressiva e impiedosa e James de uma criança amedrontada, para um soldado valente, passando por um lenhador pacífico e terminando como um mutante feroz que se tornaria o favorito das HQs.

História: Como disse antes, creio que a história desse filme foi feita com o intuito de apresentar uma nova versão do início de Wolverine, sem muita referências com outras historias, tornando-a capaz de ser compreendida por qualquer pessoa. Vendo por esse aspecto, achei a história boa, bem detalhada, que se passava em várias épocas, gerando um bom resultado. Sempre achei que um filme adaptado deve ser feito visando mais o público que já conhece a história do que o público que nunca ouviu e que espera que se interessem por mais informações, desse modo, evitaríamos vários fãs no fim da sessão alegando que o livro/comic/desenho/ é melhor que o filme. Mas isso já é decisão da indústria de Hollywood....e quem sou eu para debatê-la?


Minha conclusão: Foi um filme legal, contou uma história bem desenvolvida do Wolverine, teve bastante porrada e bastante drama. Se analisarmos como uma filme com uma história inédita, ele é bem bacana, mas não é o caso da minha visão, que o vejo como uam adaptação dos quadrinhos. Por fim, é um filme que irei assistir mais de uma vez por prazer, mas não um filme que marcou minha vida nerd

7 Nerds comentaram sobre isso:

Bruno comentou:

Vam si fude seus nerds du carahlo!!!

Brincadeira, em off eu conversei com o Perlato e já expus minha opinião. Não concordo com o post, eu pessoalmente achei o filme muito bom, apesar de alguns deslizes que eu concordo, tipo o lance do Gambit, eu achei que eles conseguiram contar uma história super confusa e complicada de uma maneira simples e empolgante.

Anônimo comentou:

Em linhas gerais concordo com o cara ai de cima (Bruno), e da lista o único fator realmente perturbador são as balas de adamantium...

E nos pontos bons faltou falar que o gambit é muito gato nesse filme.

L.

Anônimo comentou:

concordo com tudo que o cara ai de cima falou ...só um detalhe... o gambit tem um sotaque francês...coisa que no filme não apareceu....eu acho que estragaram os personagens......o deadpool foi um deles, nunca li uma historia em que ele tivesse tantos poderes assim.....sem contar que a espada é maior que o anti-braço dele.......outra coisa é o figurino dos personagens o olho do gambit que é preto e vermelho e no filme não é......o ciclops desde criança é destemido jamais correria do dentes de sabre, sem contar que ele viu e correu sem nem saber quem era!!!.......o lance da irmã da emma frost.....nunca ouvi falar de tantos mutantes envolvidos no projeto arma x.....como o mercurio que aparece rapidamente(o magneto jamais deixaria uma criança prexa la rsrsrsr).....nos quadrinhos as garras dele foram criadas de outra forma....no filme simplesmente injetam o adamantium e as garras ja saem afiadas.....isso é impossivel....jamais ele venceria o blob daquela forma!!!.....
dentre esses detalhes outros que naum me recordo ...
mas o filme em geral pra quem gosta de ação e aventura é muito bom!!!

Bruno Lourenço comentou:

Olha, eu concordo em termos com os pontos negativos, todavia, os "Pontos Positivos" não foram tão positivos.
.
1- Os efeitos especiais são os que estamos habituados em ver em qualquer filme de super heróis atualmente, claro, sempre usando a arte do exagero.
2- Interpretação e "História", bem, para fazer um resumo rápido: O filme em si é uma enorme correria para tentarem passar ao telespectador o desenvolver de um dos principais personagens da Marvel, mal encaixada, sumiram com os principais fatos da história do Logan, enchorrada de personagens que jamais apareceriam (Gambit, Frost, Summers, ...).
.
E gostaria de saber em que galáxia distante o Wolverine foi aquele bom moço logo após o projeto Arma-X, Hugh Jackman estava interpretando um típico herói hollywoodiano, o que convenhamos, o velho canadense não é.
.
Triste o filme, e o descaso que a Fox teve com a história do personagem.

Portal do pobre comentou:

Parabéns, seu blog está participando da lista de links miseráveis.


Portal do pobre.

Anônimo comentou:

Vam si fude seus nerds!

Anônimo comentou:

esse filme foi uma merda.

Postar um comentário

      web stats     PageRank